Bianca Alves

bianca-alves

Bianca tem 12 anos e chegou na ABADS em 2013. Bianca era totalmente agitada não atendia nenhum comando, gritava se mutilava, ficava correndo de um lado para outro se jogava no chão e eu não conseguia levantá-la, subia a rampa varias vezes e era considerada heteroagressiva, pois sua força física era sobrenatural, sendo necessário de 3 a 4 profissionais para segurá-la. Ficava tão suja que era necessário trocá-la antes que ela entrasse para a sala de aula. Quando voltávamos para casa era o mesmo tormento, o motorista que me ajudava a subir para o ônibus com ela.

Hoje após todos os acompanhamento e orientações dos profissionais da ABADS ela entra sai da escola andando normalmente sem correr. Brinca, olha o mural e fica esperando o horário da entrada da escola, atualmente consigo sair de casa com ela e já apresenta maior tolerância para ficar sentada no ponto de ônibus esperando.

Aprendeu a ler, escrever em letra de forma, consegue interagir com outras pessoas e fica sentada no refeitório para comer o que antes não era possível. Quando estamos em casa parece não ter criança, ela se ocupa em refazer as atividades que aprende na escola e só às vezes apresenta momentos de agitação quando quebramos a rotina.

Agradeço primeiramente a Deus, pois pedi muitas vezes em minhas orações que ele enviasse a Bianca para um lugar seguro e bom. E em segundo lugar a equipe multidisciplinar da ABADS, que além de se preocupar com o bem estar físico, psicológico dos alunos, ajudam também as mães trazendo orientações para as mesmas.

Sueli Alves
Mãe de Bianca Alves